subscribe: Posts | Comments | Email

CRISTIANO RONALDO E A ESCULTURA

0 comments

Como se sabe Ronaldo foi recentemente duplamente homenageado na Madeira. Recebeu a maior condecoração da Região Autónoma da Madeira, o Cordão Autonómico de Distinção e inaugurou uma estátua com a sua figura.

As cerimónias na Madeira apresentadas por Cristina Ferreira, como seria de esperar, tiveram ampla cobertura mundial e soaram a uma coroa de triunfo final do longo reinado de Alberto João.

Nesta razão de troca ficou claramente a ganhar a Madeira pois ficou com mais um pólo de atração para os muitos turistas que visitam o belo arquipélago todos os anos. Ganhou relativamente ainda mais a Madeira para a pobre estética que produziu.

Mas Ronaldo ficou feliz também: “A estátua é mais bonita do que eu”- disse, e emocionou-se com o reconhecimento das raízes que o viram nascer. Imagino que não se teria importado de contribuir financeiramente para o projeto mas como nada lhe pediram tudo ficou a expensas do Governo Regional através do JORNAL DA MADEIRA.

Um projeto realizado com vistas curtas. Que pena!

Realizada em dez dias em Vila Nova de Gaia pelo madeirense Ricardo Veloza, com um custo de €60 000, medindo 3,40 metros e pesando 800 quilos a estátua de Ronaldo já está classificada como uma das dez estátuas mais feias do mundo. Para além da sua estética geral avulta o que os espanhóis carinhosamente chamam “paquete” – uma sobre dimensão motivo de chacota geral. Em resumo, um desastre estético.

Comparemos este desastre estético, para não ir mais além, com o retrato produzido para Zinedine Zidane por Philippe Parreno e Douglas Gordon “ZIDANE – A TWENTY FIRST CENTURY PORTRAIT – 2005”, para vermos como Ronaldo foi maltratado.

Como é óbvio nada disto impedirá o êxito turístico madeirense do projeto. Bem pelo contrário.
A acreditar na velha máxima publicitária que toda a publicidade é boa, qual o turista madeirense que se não esforçará para ir ver a estátua de Ronaldo, uma das dez mais feias do mundo e com um “paquete” desproporcionado? Os saloios que conceberam este projeto fizeram, afinal, grande mal a quem, de fato, quereriam homenagear. O último ato público de Alberto João merecia muito mais.

Podia a Madeira tratar Ronaldo muito melhor? Sem dúvida.

Cristiano Ronaldo é já hoje, um dos maiores desportistas mundiais de sempre. Merecia, penso eu, ter uma escultura que se destacasse por uma qualidade estética de nível mundial, feita por um escultor de nível mundial. Seria, então sim, uma atração turística da Madeira pelas razões mais positivas.

Estou convencido que isso ainda acontecerá com Cristiano vivo.

cr7

Leave a Reply