subscribe: Posts | Comments | Email

A Supervisão do Banco de Portugal*

*Originalmente publicado a 18 de Julho de 2014.   As recentes dificuldades do GES/BES colocam de novo em equação o papel do Banco de Portugal e, nomeadamente, do seu papel de supervisão. Um artigo de hoje do Wall Street Journal torna a questão incontornável. Portugal foi forçado a entrar num programa de resgate internacional para se manter solvente. BCP, BPN, FINIBANCO, BPP, BANIF e BES tiveram sérios...

A Supervisão do Banco de Portugal*
posted on: 02 March 2017 | author: joarendeiro2011

GERINGONÇA AGRADECE A RENDEIRO

Recebi ontem num hotel de luxo, em Lisboa, a visita de cortesia dos deputados João Galamba e Mariana Mortágua. Quiseram estes deputados, em representação da geringonça, agradecer na minha pessoa o alto contributo do BPP para o Orçamento de 2017. Lembraram ainda que este meu grande contributo para os interesses estratégicos do que é hoje a geringonça não foi o primeiro. Já em 2008 a crise do “banco dos...

GERINGONÇA AGRADECE A RENDEIRO
posted on: 16 October 2016 | author: joarendeiro2011

CAIXA GERAL DE DOMINGUES

…o que nasce torto dificilmente se endireita … O consulado de António Domingues na CGD começou da pior maneira. E nem vale a pena repetir tudo o que já foi dito e foi muito. No meio de uma enorme trapalhada ficaram dois importantes ganhos políticos para a geringonça: o apoio à CGD não será considerado “ajuda de estado” – evitando assim um mecanismo de resolução; e as medidas de saneamento vão...

CAIXA GERAL DE DOMINGUES
posted on: 04 September 2016 | author: joarendeiro2011

O BPI e os cús virados para a lua

Sempre tive o maior desprezo por privilegiados que não conquistassem posições de vantagem em mercado e concorrência abertos. Nos que assentaram as suas posições competitivas no “amiguismo”, no “lobismo” e no “excecionalismo” das regras feitas à medida. Enfim, nos cús virados para a lua. Durante muitos anos teve e ainda tem um papel muito importante na banca portuguesa uma ONG chamada “SAM”. Esta...

O BPI e os cús virados para a lua
posted on: 25 April 2016 | author: joarendeiro2011

O BANIF E AS PILHAGENS DO SÉCULO XXI

As pilhagens do século XXI são muito “sui generis”. Empobrecem toda a gente e são realizadas por eruditos “mangas de alpaca” que utilizam refinados termos: estabilidade do sistema financeiro, resolução, perímetro de ativos e passivos, razões de interesse público, provisões, imparidades. As pilhagens dos barbudos do Novo México aconteciam no seguimento das maiores atrocidades. Não criavam certamente...

O BANIF E AS PILHAGENS DO SÉCULO XXI
posted on: 03 January 2016 | author: joarendeiro2011

PERDEU-SE O FAROL DO PS

Realizam-se de hoje a oito dias, a 4 de Outubro, as eleições legislativas de 2015. As sondagens apontam para um claro ascendente da Coligação liderada por Pedro Passos Coelho que poderá chegar mesmo à maioria absoluta. Mas os indecisos são ainda em número muito grande e o resultado estará em aberto até ao final. Por mim a Coligação obterá uma maioria absoluta para governar os próximos quatro anos e eu terei...

PERDEU-SE O FAROL DO PS
posted on: 28 September 2015 | author: joarendeiro2011

Banco Santander e a ética empresarial

O Presidente do Banco Santander em Portugal, António Vieira Monteiro, decidiu saltar da discrição de onde raramente sai para ditar uns “bitaites” sobre Portugal em entrevista a um título da Impresa. Foi dita muita coisa mas no emaranhado das ideias resulta a questão central, o NOVOBANCO não vai ser vendido por € 4,9 mil milhões – leia-se o Santander jamais pagará este preço. Depois, para baralhar, diz-se...

Banco Santander e a ética empresarial
posted on: 15 November 2014 | author: joarendeiro2011

O Banco de Portugal ataca de novo

Desta feita foi de vez: depois do extermínio dos credores do GES veio o extermínio dos acionistas do BES e dos seus credores subordinados. Pelo meio veio uma grande machadada no mercado de capitais em Portugal e na credibilidade dos outros bancos fazerem aumentos de capital. Já expliquei noutro post que o Banco de Portugal é um problema sistêmico para o sistema financeiro português. A atuação de Carlos Costa, mas...

O Banco de Portugal ataca de novo
posted on: 07 August 2014 | author: joarendeiro2011

A Supervisão do Banco de Portugal

As recentes dificuldades do GES/BES colocam de novo em equação o papel do Banco de Portugal e, nomeadamente, do seu papel de supervisão. Um artigo de hoje do Wall Street Journal torna a questão incontornável. Portugal foi forçado a entrar num programa de resgate internacional para se manter solvente. BCP, BPN, FINIBANCO, BPP, BANIF e BES tiveram sérios problemas de supervisão. A CGD, Montepio e BPI tiveram que...

A Supervisão do Banco de Portugal
posted on: 18 July 2014 | author: joarendeiro2011

O Retorno Absoluto do BPP: Um Caso Real

Os clientes do RA do BPP, tal como eu previ, votaram numa grande maioria pela continuação do FEI. Segundo um comunicado da sociedade gestora BANIF mais de 75% dos clientes optaram por continuar. Mas acredito que este percentual será bem superior, pois há notícia de que um elevado número de clientes que votaram contra a continuação do FEI na AG de participantes, mudaram posteriormente de opinião. Não tendo...

O Retorno Absoluto do BPP: Um Caso Real
posted on: 26 October 2013 | author: joarendeiro2011

« Previous Entries