subscribe: Posts | Comments | Email

Quem compra o NOVOBANCO?

A FOSUN por €5,2 mil milhões. Na fábula do “mais capaz”, o “mais desesperado” e o “mais rico”, a FOSUN sairá a ganhar. O Banco de Portugal vai abrir em breve o “data room” sobre o NOVOBANCO imediatamente após a divulgação das suas contas de 2014. Mas o essencial do NOVOBANCO já é conhecido: a situação líquida é superior aos €4,9 mil milhões e o rácio de solvabilidade é superior aos 10%...

Quem compra o NOVOBANCO?
posted on: 16 February 2015 | author: joarendeiro2011

Goldman Sachs, BES, OAK Finance e BdP

O BdP decidiu esta semana que o crédito da OAK FINANCE ao BES deveria ser registado no “banco mau”. É uma decisão muito favorável no curto prazo mas com sérios riscos no médio e longo prazo. Mas o que importa? Quem vier atrás que feche a porta, Carlos Costa já não estará para contar os danos. A GOLDMAN SACKS é uma instituição por demais conhecida. Até à crise financeira de 2008 – onde os banqueiros...

Goldman Sachs, BES, OAK Finance e BdP
posted on: 04 January 2015 | author: joarendeiro2011

A venda do BESI

Foi concretizada a venda do BESI. Só não parabenizo Ricciardi completamente porque se me tivesse telefonado diria “assim também eu” arranjaria comprador. Mas as coisas são o que são e longa vida a Ricciardi e aos seus colegas do BESI, alguns dos quais meus amigos. O BESI foi, desde logo, vendido com ZERO de contingências de litigância passando todo o historial de litigância potencial para o Estado português...

A venda do BESI
posted on: 21 December 2014 | author: joarendeiro2011

O Investimento Chinês no Mundo

As recentes aquisições da FOSUN e da HAITONG em Portugal a par da importância da comunidade chinesa nos Vistos Gold sugerem uma crescente análise do processo de internacionalização chinês. Este post vai referir-se apenas a alguns dados de enquadramento geral deixando para depois análises mais em detalhe. A fonte de informação que me parece mais fiável nesta matéria é a HERITAGE FOUNDATION pois todas as...

O Investimento Chinês no Mundo
posted on: 15 December 2014 | author: joarendeiro2011

Carlos Costa e as sardinhas

A audição de Carlos Costa no parlamento inaugurando a CPI GES/BES fez-me recuar trinta anos ao imaginário do meu início de atividade de jovem aspirante ao Mundo da Finança. Nos idos anos 80 do passado século estava eu a tentar fazer pela vida quando fui recebido pelo então presidente de um banco em vias de privatização, personalidade aliás ex-Ministro das Finanças. Lembro-me de ter feito um grande esforço...

Carlos Costa e as sardinhas
posted on: 19 November 2014 | author: joarendeiro2011

Banco Santander e a ética empresarial

O Presidente do Banco Santander em Portugal, António Vieira Monteiro, decidiu saltar da discrição de onde raramente sai para ditar uns “bitaites” sobre Portugal em entrevista a um título da Impresa. Foi dita muita coisa mas no emaranhado das ideias resulta a questão central, o NOVOBANCO não vai ser vendido por € 4,9 mil milhões – leia-se o Santander jamais pagará este preço. Depois, para baralhar, diz-se...

Banco Santander e a ética empresarial
posted on: 15 November 2014 | author: joarendeiro2011

A liberalidade de € 2, 88 mil milhões a Angola

Penso que podemos considerar Angola como o centro mundial das liberalidades. Um local de tão grande gentileza que umas entidades literalmente oferece grandes quantidades de dinheiro a outras, sem razão aparente que não seja uma infinita gratidão. Já conhecíamos a liberalidade com que José Guilherme acarinhou Ricardo Salgado. Mas isto é verdadeiramente “peanuts” comparada com a liberalidade de € 2, 88 mil...

A liberalidade de € 2, 88 mil milhões a Angola
posted on: 22 October 2014 | author: joarendeiro2011

Quem compra o BESI?

Ninguém. Na verdade ficaria muito surpreendido que alguém no seu bom juízo quisesse comprar o BESI ou o NOVOBANCO Investimento, nem tenho bem a certeza como se chama. As razões para a falta de interesse de investidores no BESI parecem-me óbvias: o BESI é um negócio medíocre; com um passivo de litigância potencial elevado; e sérios problemas reputacionais na sua liderança executiva. Em primeiro lugar, o BESI é...

Quem compra o BESI?
posted on: 11 October 2014 | author: joarendeiro2011

Carlos Costa demitiu-se

Carlos Costa, Governador do Banco de Portugal, fica hoje a saber que se demitiu numa carta datada a 30 de março de 2015. Termina de fato em março do próximo ano o mandato de Carlos Costa mas o seu destino ficou traçado na trapalhona gestão do caso GES/BES. A sentença quanto a estas trapalhadas já a deu Carlos Costa – lui même – quando afastou sem dó nem piedade Pedro Duarte Neves da liderança da Supervisão...

Carlos Costa demitiu-se
posted on: 02 October 2014 | author: joarendeiro2011

BPI e as ajudas de Estado

O BPI posiciona-se na “pole position” para o que se afigura ser um plano de “asset stripping” do NOVOBANCO. Feito com punhos de renda e linguagem gongórica mas o equivalente à partilha dos bens pilhados numa qualquer guerra medieval. Os bancos pagantes para o Fundo de Resolução quererão o seu lugar à mesa das partilhas. A sua posição de “break-even” estará nas sinergias que obtenham de uma qualquer...

BPI e as ajudas de Estado
posted on: 29 September 2014 | author: joarendeiro2011

« Previous Entries Next Entries »